Quando se fala de cuidar das unhas, automaticamente já pensamos em ir à manicure. Mas é algo muito além de estar sempre de esmalte e ter seu horário marcado no salão toda semana.

 

Neste post você irá conhecer 15 dicas de cuidados simples, como não roer as unhas, até mesmo outros hábitos que podem ser adotados para garantir que as unhas estejam sempre bonitas, fortes e saudáveis. Continue a leitura!

1. Hidrate as unhas

Um dos hábitos que ajudam no cuidado das unhas é sempre mantê-las hidratadas. O ideal é que seja feito diariamente, mas, se não for possível, pelo menos uma vez na semana hidrate as unhas e cutículas. Isso irá tornar as suas unhas mais fortes.

Para isso, aplique produtos específicos, como por exemplo cremes para as mãos à base de ureia, óleo de semente de uva, óleo mineral, óleo de amêndoas, lanolina ou silicone.

2. Não tire toda a cutícula

A cutícula está ali por um motivo muito importante. A sua função é proteger as unhas de infecções bacterianas ou fúngicas. Desse modo, o ideal é não tirar. Mas, se você faz muita questão, pelo menos não tire tudo.

Isso porque quanto menos se tira, menos é necessário tirar, já que se não remover a cutícula, ela vai ficando cada vez mais fina.

3. Evite a umidade

A umidade em excesso é muito prejudicial para a saúde das unhas, pois este é um ambiente favorável para o crescimento de fungos e bactérias. Por isso é importante secá-las muito bem após molhá-las no banho, ao lavar as mãos ou ao se refrescar na piscina.

Além disso, o tempo de contato com a água não pode ser muito longo, pois pode acabar enfraquecendo as unhas.

4. Use luvas nas tarefas domésticas

A maioria dos produtos que utilizamos para realizar as tarefas domésticas são prejudiciais para as unhas, porque contêm substâncias químicas que as agridem. Sendo assim, é preciso utilizar luvas ou, caso não consiga, lavar muito bem as mãos com sabonete neutro após utilizar esses produtos.

Mas, atenção àquelas luvas que possuem um pó na parte de dentro, pois ele resseca as unhas. Neste caso, após utilizá-las, lave bem as mãos e hidrate-as.

5. Cuide da alimentação

Outra forma é cuidar de dentro para fora. A unha é um reflexo da nossa saúde, ou seja, se houver algum tipo de deficiência nutricional, isso irá afetá-la.

Com isso, procure ter uma alimentação saudável, assim, você terá unhas mais fortes e com crescimento adequado.

6. Tenha seu próprio material

Quando se trata de manicure ou pedicure, o ideal é que você tenha o seu próprio material (lixas, alicates, espátulas etc). Apenas dessa forma você consegue garantir que eles estão limpos. Caso contrário, busque locais que esterilizam e usem produtos descartáveis. Dessa forma, você consegue evitar doenças, como a hepatite.

7. Respeite o formato da unha

Ao lixar as unhas, você deve fazer respeitando o seu formato natural para reduzir as chances de quebrar e não crescer.

Além disso, cuidado ao cortar os cantos das unhas. Dependendo do quanto cortou, ela poderá crescer em um formato diferente e, assim, acabar encravando.

8. Não coma as unhas

O ato de roer as unhas prejudica tanto a beleza quanto pode acabar formando sulcos e outras deformações na superfície a longo prazo. Acontece que a saliva é ácida, o que afeta a saúde das unhas, principalmente após terem sido feitas, pois é quando estão mais frágeis.

9. Não use as unhas como ferramentas

Se você costuma usar as unhas para descascar fitas autocolantes, raspar rótulos de latas, descolar um adesivo, tirar grampos em folha, limpar sujeitinhas agarradas ou soltar parafusos, está na hora de parar de fazer tudo isso. As unhas não foram feitas para serem ferramentas e, quando utiliza dessa forma, elas acabam enfraquecendo e quebrando mais fácil.

10. Tenha sempre uma lixa na bolsa

Quando uma unha quebrar, o ideal é lixar. E, como pequenos acidentes sempre acontecem, é importante que tenha sempre uma lixa ao seu alcance, mesmo que pequena.

11. Faça um intervalo entre esmaltadas

É comum ficar satisfeita com um esmalte que dura bastante tempo nas unhas sem descascar. Porém, procure não deixar o mesmo esmalte por tempo excessivo nas unhas – afinal, é recomendável que elas tenham um tempo sem o produto, para “respirar”. O processo de esmaltação agride as unhas.

O ideal é que, após retirar o esmalte, as unhas fiquem por algum período em descanso. A indicação da manicure Heloiza Gomes é de que esse tempo seja, no mínimo, de 12 horas.

12. Não puxe a pele da cutícula

Mesmo que esteja te incomodando, não deve puxar nenhuma pele ou arrancar as descamações das unhas. Isso agride as cutículas e as unhas.

13. Não use sapatos que apertam os pés

Além do desconforto, sapatos apertados prejudicam as unhas dos pés porque as mantêm pressionadas. Uns dos problemas que isso pode causar são unhas encravadas ou hematoma subungueal (unha preta), sendo que este último pode levar até mesmo ao descolamento da unha.

14. Prefira removedor de esmaltes

Como a base da acetona é o álcool, ela agride mais em relação aos outros removedores e, como consequência, acaba ressecando as unhas. Por isso, prefira utilizar removedor de esmalte que não possuem acetona em sua formulação.

15. Alguns suplementos benéficos

Por fim, mas não menos importante, existem alguns suplementos naturais que ajudam a restaurar e cuidar das unhas, além da pele e do cabelo. São eles:

  • Levedura de cerveja ou nutricional
  • Silício orgânico líquido
  • Espirulina
  • Óleo de linhaça
  • Óleo de prímula
  • Biotina

 

Gostou desse artigo? Deixe o seu comentário e clique aqui para conhecer outros conteúdos para sua saúde.

Recomendados para Você
1 Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*